Moda e coronavírus

Traçar estratégias de moda e coronavírus para movimentar a economia local é o principal foco das marcas fashion neste primeiro semestre de 2020. Com a acentuada intervenção por conta da COVID-19, as empresas brasileiras de moda precisaram se reinventar. Desta forma, as marcas que ainda caminhavam com cuidado pelo mundo digital, aderiram completamente ao novo/antigo recurso.

Seja revendendo, desenhando, criando ou vendendo, o Bom Retiro movimenta mais de 3 bilhões de reais ao ano. São aproximadamente 100 mil empregos gerados, desde atendimento, limpeza, carregadores, lojistas, entre outros que comportam o mercado do atacado nesta economia local do Brasil.

Atingir novos públicos e atender clientes antigos ganhou um novo significado com as mudanças na moda e no coronavírus. Agora, não mais uma opção, a internet veio para ser a solução.

As empresas e os trabalhadores do mercado da moda no Brasil não podem e não querem parar.  Desta forma, separamos algumas dicas para movimentar a economia local em tempos de moda e de coronavírus, a fim de agregar na sua estratégia de vendas e possibilitar maior alcance da sua marca. Confira!

Novos canais de venda!

Moda e coronavírus na web

Canais de venda são os meios que uma empresa usa para oferecer produtos e serviços para possíveis clientes. É o local em que estes produtos serão comercializados. Com as mudanças da moda e coronavírus, a internet possibilitou a abertura de novos canais de vendas a novos públicos.

Todo mundo quer vender e todo mundo quer comprar. As marcas apenas precisam atingir as pessoas certas no momento certo. Parece difícil, mas não é. Você já leu aqui sobre a crescente do marketplace, correto? Eles são a opção mais rentável que uma marca pode agregar em sua estratégia. Vender em mais lugares é essencial e a internet proporciona, não uma, mas todas as opções.

As marcas apenas precisam escolher e identificar quais locais na internet fazem mais sentido para seus objetivos. Ainda que seja uma solução, um marketplace que vende objetos e moda juntos é menos eficiente que um marketplace voltado apenas para venda de moda, como o houpa.app, por exemplo. Além do marketplace, existem diversos canais de venda:

 

Anúncios no Google com Ads

como a Moda e coronavírus impactam

O Google Ads, antes chamado de Adwords, é uma ferramenta de publicidade do Google. Ela possibilita às empresas criarem anúncios de seus produtos e desenvolver estratégias de divulgação para estes anúncios. O uso da ferramenta é gratuito, ainda que você precise de valor monetário para divulgar seus anúncios.

Esta plataforma ajuda sua marca aumentar seu alcance, ou seja, a quantidade de vezes que você é visto e portanto, quantidade de pessoas que são impactadas pela sua marca. O Google Ads é muito utilizado em vendas online, pois permite que a marca escolha exatamente o produto que quer divulgar de acordo com a pesquisa que o usuário fez. Seu objetivo é gerar conversões, ou seja, vendas! 

Como funciona? É como um leilão de palavras, onde diversas empresas escolhem palavras similares aos seus produtos (moletom tie-die por exemplo) e ofertam seu produto na rede de buscas google em forma de anúncio. A rede engloba a pesquisa no google.com, Google Maps e diversos parceiros. A marca poderá escolher se os anúncios aparecem a rede de pesquisa do Google ou dentro de carrosséis, banners em páginas parceiras relacionadas ao assunto. Qualquer um pode criar uma campanha no Google Ads, mas é indicado que uma pessoa da área de marketing trabalhe com este conteúdo, a fim de oferecer mais opções para conversão de vendas dos seus produtos. 

 

Webinars

camisas coloridas

O webinar é uma alternativa para aquelas conferências que você sempre quis ir, mas nunca teve disponibilidade. Eles vieram para traduzir os encontros, palestras e até aulas para o mundo virtual. Seu intuito é e sempre será educacional e pode ser utilizado em diversas estratégias de vendas da sua marca. Uma marca de roupas, por exemplo, pode trazer um estilista para ensinar cortes ou até mesmo proporcionar a seus clientes algumas dicas e instruções de como se vestir por uma modelo famosa.

Como funciona?

Existem diversas maneiras de ofertar um webinar para seus clientes.  Você pode contratar ferramentas especializadas ou também pode fazer de maneira manual, utilizando um recurso da sua equipe.

O Facebook e o Youtube são as opções mais populares e ainda possuem o viés de atrelar o webinar à sua página na rede social. Depois de escolher a plataforma, basta criar seu conteúdo, definir tema, palestrante, horário e fazer uma landing page. 7

Este recurso é muito importante, pois é a partir dele que você irá coletar e-mails que se transformarão em leads, ou seja, compradores em potencial, pessoas que se interessam pela sua marca e portanto, por seu produto. Depois do webinar, é com estes e-mails que você vai dar continuidade para sua estratégia de vendas.

 

E-mail Marketing

Moda e coronavírus

Com o acesso limitado a recursos externos, os brasileiros estão lendo mais seus e-mails. Sabe aquele e-mail que você recebe, quando não entra em um site de compras há muito tempo? Ele é um e-mail marketing. Com este canal é possível vender online através de comunicações no e-mail dos seus clientes.

O legal do e-mail marketing é que você pode colocar toda a identidade da sua empresa ou até da sua campanha nele e ofertar produtos específicos para públicos distintos. Com ele é possível entender, através de testes, o que seu público mais gosta de receber em seus e-mails. Será que as mulheres gostam mais de conteúdo ou de ofertas diretas? Com o e-mail marketing é possível definir isso e muito mais.

Como funciona?

Para uma boa estratégia de e-mail marketing é preciso ter … e-mails! No entanto, atenção, não compre lista de e-mails. Do que adianta ter vários e-mails, mas ninguém estar interessado no que você vende? O ideal é que a sua marca construa sua própria base e para isso acontecer você precisará trabalhar seu conteúdo.  Lembra do webinar? São os e-mails inscritos nele que serão usados para enviar e-mail marketing, por exemplo. 

 

Podcast

calça jeans

O podcast é um novo recurso a ser utilizado como canal de venda. A ideia é criar entretenimento com hora marcada para seus clientes oferecendo um serviço semelhante ao rádio, mas online.

Diferente do rádio, em que você precisa sintonizar a estação, na internet basta ir até o site que está oferecendo o podcast. A transmissão é via áudio, podendo ou não ser ao vivo. O legal de um podcast é que o conteúdo pode ser criado de acordo com a demanda e as pessoas que o apresentam (geralmente 2 a 3) batem papo sobre determinado assunto.

É uma ferramenta menos agressiva, que tem o intuito de informar. Porém, diferente de um webinar, ela é leve e traz consigo um formato popular, podendo ser ouvido em diversas situações do cotidiano.

Como funciona?

Para criar um podcast basta ter um microfone. A ideia é juntar pessoas para falar sobre assuntos diversos. Estes podem variar de coisas sérias como economia ou uma conversa descontraída sobre a moda que está passando na novela.

Escolha a periodicidade do seu podcast (semanal, mensal, diário), escolha os temas, chame convidados e comece a gravar! Coloque os seus capítulos no seu site para clientes e atinja novos com outras ferramentas como Spotify. Fale com o seu cliente e torne-o um defensor da sua marca ao oferecer conteúdo de qualidade.

 

Diga “não” à competição e “oi” a colaboração!

colaboração com Moda e coronavírus

Ainda que o mercado da moda seja competitivo, o novo coronavírus mostra que estamos todos no mesmo lugar. A tendência da competição diminuiu e deu chance para a entrada da colaboração.

É extremamente necessário entender que nem todas as empresas de moda competem entre si e que muitas ajudam umas as outras a continuarem seus negócios em tempos de moda e coronavírus. Nas redes sociais, por exemplo, os eventos das lives estão desempenhando papéis essenciais. Neles, podemos ver a colaboração de vários setores da indústria da moda. A união destas autoridades permitem aos compradores de moda de todo o Brasil entenderem a unicidade do movimento.

O houpa, por exemplo, promoveu o Ponto Conexão. Foram diversas lives com conteúdo exclusivo e convidados especialistas de outras áreas. O Moda Comunica, por exemplo, participou da ação e proporcionou uma incrível live sobre as redes sociais. Nela, falamos sobre como divulgar, engajar e vender moda durante a crise e como as mídias sociais desenvolvem papel essencial nessa estratégia. Assista a live houpa & Moda Comunica!

Procure entender quais oportunidades sua marca possui e ofereça possibilidades de colaboração para parceiros antigos e também novos. Lembre-se que todos estão juntos e que o mercado, assim como o consumo, também está sendo reinventado. Faça parte!

 

Venda seus produtos no houpa. Nós queremos mudar o mundo da moda!qr code houpa

Faça download do app

Escaneie do QRcode abaixo e baixe o aplicativo. É grátis!

Ainda não tenho cadastro

Informe no campo abaixo o número do seu celular para baixar o aplicativo no seu smartphone